Cartão postal – Apanhador só

As I mentioned previously, I kinda moved from Brazil to Italy these past couple of days.

Yeah.

Now it sort of makes sense all of those occasional italian song that would pop in here and there, right?  

Back when I still was living in Brazil, I’d often think that I would miss so many foods and drinks – don’t judge my fat mindset. But how surprised was I, when I realised that what made me feel more homesick of all was the music.

Every time I’d listen to a good brazilian song, I’d feel emotional, both near and far. Crazy and weird, but what can I say? Feelings, bro.

The song today is not your  traditional or quintessential old school samba, but rather is an adorable and easy going song, called Cartão Postal , which means postcard.

This song made me think about my days here in Italy both as a tourist and as a resident. The song says “I’m sitting inside of a postcard / Looking closely, everything seems so normal” which is kinda how I feel like now? I sort of live inside of postcards now, so it really is a different sensation, visiting without the hurry of a 1 week vacation, really makes the city seem so normal.

Hope you enjoy it:

*************************************************************************************

Como disse por esses dias, meio que acabei me mudando do Brasil pra Itália há algumas semanas.

Agora faz sentido pra você o porque de algumas ocasionais músicas italianas por aqui né não?

Quando pensava na minha partida do BR pra cá, ficava pensando “vou sentir tanta saudade da comida brasileira”, pensava na saudade do pão de queijo, do escondidinho, da coxinha, do brigadeiro, etc, etc, etc. Longa lista da gordinha.

Qual não foi minha surpresa que ao chegar aqui eu não senti falta da comida, mas sim das minhas musiquinhas brasileiras? Que maravilha é a música, esse negócio imaterial e que ao mesmo tempo traz todo tipo de sensação física e psicológica. Vai entender?

Cheguei aqui e me pegava preparando uma pasta ou qualquer comida bem italianuda que você queira imaginar, e sentia necessidade de uma música brasileira, um samba, uma bossa, enfim.

Mas hoje trago não um sambão, mas uma musiquinha amena e bonita, chamada cartão postal. Ela me faz pensar  nos meus dias em que turisto por aqui. “Estou sentado dentro de um cartão postal, olhando aqui de perto tudo é tão normal”, que é como me sinto agora que meio que eu moro  nos cartões postais? É uma sensação diferente, visitar uma cidade turística sem aquela pressa habitual de viagem de uma semana, realmente tudo parece normal.

Espero que você goste:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s