Sarah Vaughan – Black Coffee

Hoje amanheceu uma friaca danada aqui na minha cidade.

Além de acordar com frio, acordei com sono pra caramba. Cheguei no serviço e a única coisa que eu conseguia pensar era tomar um café. Nisso veio a inspiração pro post de hoje.

Hoje trago a maravilhosa música Black Coffee da divina Sarah Vaughan. Tenho essa música em disco de vinil, e já ouvi ela tantas vezes que ela me soa até nostálgica quando ouço.

Se você é fã de métricas perfeitas e rimas ricas, aprecie a lindeza que mora no verso “And in between this nicotine

A Sarah Vaughan é sensacional. Se você não conhece o repertório dela, vai amar. Sei que aqui no blog sempre enalteço a Ella Fitzgerald, que é realmente minha favorita, mas a Sarah merece muito amor também.

Vou deixar aqui Summertime, uma música que já foi gravada por milhares de artistas, mas que na minha opinião a versão da Sarah é a melhor disparado:

Olha que preciosidade essa apresentação ao vivo da Sarah com ninguém menos que Wilson Simonal. Você quer presença de palco? Quer domínio perfeito de voz? Receba:

Na minha opinião a Sarah Vaughan tem o dom de conferir muita personalidade, versatilidade e opinião à voz dela. Ela muda de notas lindamente, prolonga letras sem a menor pressa ou dificuldade, confere autenticidade a tudo que canta. Olha que lindeza a versão dela de A house is not a home :

É pra esquentar o coraçãozinho nesse friagem toda ❤ !

Anúncios

Wilson Simonal – Nem vem que não tem

Ontem postei do Jorge Ben, um trabalho primoroso que é o álbum dele de 1963. Daí, me deu vontade de falar de outro cara foda do cenário nacional e que caiu no esquecimento de muita gente mas que eu tenho uma admiração profunda.

O Wilson Simonal tem uma história muito doida. Desde que eu assisti o documentário “Wilson Simonal – Ninguém sabe o duro que dei” fiquei fascinada por ele. Caso você queira assistir, ele está na íntegra no youtube, assista quando puder, vale a pena.

Ele era cabo do exército e lá descobriu a música. Depois disso virou o maior showman do Brasil, porque além de uma voz incrível, ele tinha uma presença de palco, senso de humor, estilo e finesse incríveis. E quando estava no auge da carreira, se envolveu em problemas políticos e fiscais e foi sabotado pela cena musical da época até sumir do mapa total. Uma tristeza.

Mas fica aqui a nossa menção, pra esse cara incrível. Aprecie umas musiquinhas finas, só coisa boa:

É performance foda que a gente quer? É tecnica vocal e talento de sobra? Alegria, alegria. Afeee Simonal:

Agora ,meu amigo, se você quer arrepiar de cima em baixo, olha essa música, olha esse texto de abertura, olha essa letra, olha essa voz. Mais atual do que nunca, parece que essa música foi lançada ontem. É sensacional.

Para lutar, com sangue ou não, com uma canção, também se luta irmão…

É isso aí, se você curtiu, procure mais apresentações ao vivo dele no youtube, eu sempre acho muito emocionante, muito mesmo!